1.1. Modelos do Universo: modelos geocêntrico e heliocêntrico

 

Desde a antiguidade, o ser humano sentiu necessidade de representar o Universo.

 

A ideia de Universo que temos hoje é bastante diferente daquela que existia na Antiguidade.

 

 

Modelo geocêntrico

Até ao século XVII, pensava-se que a Terra estaria imóvel no centro do Universo – modelo geocêntrico.

 

 

Segundo o modelo geocêntrico, a Terra encontrava-se imóvel no centro do Universo e todos os outros objetos celestes giravam à sua volta.

 

Modelo heliocêntrico

 

No século XVI, Nicolau Copérnico propôs um modelo em que o Sol se encontrava no centro do  Universo – modelo heliocêntrico.

 

 

Segundo o modelo heliocêntrico, o Sol encontrava-se no centro do Universo e a Terra rodava sobre si própria e em torno do Sol, tal como todos os outros objetos celestes.

 

As observações de Galileu e o modelo heliocêntrico

 

Galileu Galilei foi um dos primeiros a utilizar um telescópio para observar o céu.

 

 

Foi a partir das observações de Galileu, nomeadamente dos satélites de Júpiter e do planeta Vénus, que  começaram a surgir argumentos definitivos que punham em causa o modelo geocêntrico.

 

 

Galileu notou que o planeta Vénus não só apresentava fases, como também o seu diâmetro aparente não era sempre o mesmo.

A única forma de explicar, simultaneamente, a variação do tamanho aparente de Vénus e as suas fases é considerar que Vénus orbita em torno do Sol e não da Terra.

 

As órbitas elípticas de Kepler

 

A partir das observações de Tycho Brahe, Johannes Kepler concluiu que as órbitas dos planetas em torno do Sol não poderiam ser circulares, mas sim elípticas.

 

Kepler concluiu também que o Sol não ocupava o centro geométrico da elipse, mas sim um outro ponto designado por foco.

 

Síntese de conteúdos

 

Ao longo dos tempos, o Modelo do Universo tem evoluído com o desenvolvimento científico e tecnológico.

Durante grande parte da História pensava-se que o Universo era formado apenas pelos objetos celestes visíveis da Terra à vista desarmada.

 

Segundo o modelo geocêntrico, a Terra encontrava-se imóvel no centro do Universo e todos os outros objetos celestes giravam à sua volta.

Segundo o modelo heliocêntrico, o Sol encontrava-se no centro do Universo e a Terra rodava sobre si própria e em torno do Sol, tal como todos os outros objetos celestes.

 

Foi a partir das observações de Galileu, nomeadamente do planeta Vénus, que começaram a surgir argumentos definitivos que punham em causa o modelo geocêntrico.

 

Kepler concluiu que as órbitas dos planetas, em torno do Sol, eram órbitas elípticas. O Sol não ocupava o centro geométrico da elipse, mas sim um outro ponto designado por foco.

 

Contactos

© Triplex