Ficha nº1

 

Fenómenos acústicos

1. Considera a figura seguinte que mostra a interação de um som com uma parede constituída por um determinado material.

Observa atentamente a figura e responde às questões colocadas.

1.1. Estabelece a ligação correta entre o som (coluna I) e o fenómeno acústico que o afeta (coluna II).

1.2. Identifica, de entre as seguintes hipóteses, as que traduzem a correta relação entre a intensidade (I) relativa dos sons ilustrados.

(i) ISom emitido = ISom A = ISom B

(ii) ISom emitido = ISom A + ISom B

(iii) ISom emitido < ISom A + ISom B

(iv) ISom B > ISom D

(v) ISom B = ISom C + ISom D

(vi) ISom D = ISom B - ISom C

1.3. Indica um material que poderia ser colocado no lado A da parede para aumentar a intensidade do som A.

1.4. Indica um material que poderia ser colocado no lado B da parede para reduzir a intensidade do som D.

2. Associa cada um dos fenómenos indicados com uma das frases que se seguem.

Reflexão         Refração         Ressonância        Absorção

A. A fibra de vidro é um bom isolante sonoro.

B. O som que se ouve quando se aproxima um búzio do ouvido.

C. Quando existem grandes variações na temperatura do ar, podem surgir zonas de sombra sonora.

D. Num salão forrado a corticite, não se detetam ecos.

E. Numa zona montanhosa, um rapaz gritou «amigo», tendo ouvido várias vezes a palavra repetida.

F. Um violoncelo não poderia ser construído sem a caixa de madeira; no entanto, o som é produzido pelas cordas.

3. Lê o texto seguinte:

Poluição sonora, um inimigo invisível

As consequências da poluição sonora não se ficam pela perda de audição: pode haver consequências ainda mais graves. A poluição sonora contribui para o agravamento da hipertensão, da taquicardia e arritmia, e também para desequilíbrios dos níveis de colesterol e hormonais. É também um fator de stresse, por isso, pode ser responsável por distúrbios do sono, dificuldade de concentração, perda de memória, outras perturbações psíquicas e até tendências suicidas.

As consequências do ruído nos animais silvestres podem ser ainda piores. Muitos animais dependem diretamente da audição para comunicar e para caçar, ou para evitar serem caçados. Nos oceanos há animais com características particulares associadas ao som, como os cetáceos (baleias, golfinhos).

que dependem do processo de ecolocalização para se alimentar e orientar.

Adaptado de «Naturlink»

a. Por que razão a poluição sonora é nociva ao ser humano? E para os animais silvestres?

b. Em que se baseia o processo de ecolocalização dos cetáceos?

c. O que podes fazer para diminuir a poluição sonora?

4. A figura representa uma onda sonora, que se propaga numa superfície de água, em direção a um obstáculo.

Podemos afirmar que, após a reflexão na barreira, ...

(A) a frequência da onda aumenta.

(B) a velocidade da onda diminui.

(C) o comprimento da onda aumenta.

(D) o período da onda refletida é igual ao de incidência.

(Assinala a opção correta.)

5. A acústica é um aspeto muito importante quando se projeta uma sala de espetáculos. A forma e os materiais são cuidadosamente pensados, considerando que o som se irá refletir sucessivamente nas superfícies da sala (paredes, cadeiras e público).

5.1. Indica o fenómeno acústico que se procura controlar de acordo com o texto.

5.2. Explica qual o efeito que esse fenómeno tem no som ouvido numa sala.

6. atentamente o seguinte texto e observa as imagens que o ilustram.

"De noite temos a perceção de que ouvimos melhor os sons. Essa ideia é normalmente atribuída ao facto de existir menos ruído do que de dia. Na realidade, esse fenómeno deve-se à forma como o som se propaga na atmosfera. De dia, o ar mais próximo do solo está mais quente do que nas camadas superiores. De noite, ocorre justamente o oposto. Como o som se propaga mais rapidamente no ar quente, ocorre uma mudança de direção de propagação.”

O texto descreve um fenómeno acústico conhecido. Identifica-o e transcreve a frase que permite identifica-lo.

7. Para distinguir dois sons consecutivos, o intervalo de tempo entre eles deve ser igual ou maior do que 0,1 s. Num local onde a velocidade de propagação do som no ar é 350 m/s, para que ocorra eco a distância mínima entre a fonte sonora e o obstáculo onde se reflete o som deve ser:

A. 17,5 m

B. 35m

C. 350 m

D. 175 m

8. A refração do som é um fenómeno acústico diferente da reflexão.

8.1 Completa a frase que se segue escrevendo nos espaços em branco as designações corretas.

A refração do som consiste na sua ____ de um ____ para outro, verificando-se em geral _____ de direção.

8.2 Considera a afirmação seguinte.

Quando um som se refrata a sua velocidade altera-se.

8.2.1 Classifica esta afirmação em verdadeira ou falsa e justifica.

8.2.2 Indica o que acontece à velocidade do som ao passar do ar para a água e ao passar da água para o ar.

8.3 Justifica a seguinte afirmação verdadeira.

Os materiais onde o som se refrata facilmente não são bons isoladores sonoros.

9.  A Maria gritou do alto de uma montanha. Ao fim de 1, 7 s, ouviu o som do seu eco. Sabendo que a velocidade de propagação do som no ar é 335 m/s, determina a que distância se encontra a superfície refletora.

10. A poluição sonora é cada vez mais uma realidade, principalmente nos grandes centros urbanos. Por esse motivo, os construtores de habitações têm preocupações na escolha dos materiais de construção, dando preferência aos que promovam o isolamento acústico.

Na tabela seguinte, mostram-se os coeficientes de absorção de alguns materiais de construção em função da espessura e da frequência dos sinais sonoros.

Analisa os dados da tabela e responde às questões colocadas.

10.l. Identifica o material que oferece melhor isolamento sonoro para as frequências analisadas.

10.2. Identifica o material que oferece melhor isolamento sonoro para baixas frequências.

10.3. Identifica o material que oferece um isolamento sonoro, independentemente da frequência, na gama de frequências de 1000 Hz e 4000 Hz.

10.4. Classifica as seguintes afirmações em verdadeiras M ou falsas (F).

(A) A lã de rocha é mais eficaz a isolar sons agudos do que sons graves.

(B) A lã de vidro é melhor isoladora de sons graves do que a lã de rocha.

(C) Para sons com 1000 Hz de frequência, é necessário uma espessura maior de madeira do que de vidro para que ambos os materiais ofereçam isolamento sonoro idêntico.

(D) De uma forma geral, e de acordo com os dados da tabela, é mais fácil isolar sons agudos do que sons graves.

(E) Para sons com 1000 Hz de frequência, é necessário uma espessura maior de lã de rocha do que de lã de vidro para que ambos os materiais ofereçam isolamento sonoro idêntico.

Contactos

© Triplex